Como escrever um e-mail para professor / orientador em inglês

Escrito por Carina Fragozo
Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Para quem não sabe, estamos no “mês da escrita” aqui no English in Brazil! Nesta semana já dei dicas para escrever um e-mail profissional e um e-mail informal em inglês, e hoje o papo é com estudantes universitários. Ao escrever um e-mail para um professor ou orientador, muitas vezes bate aquela insegurança para escolher as palavras certas, e quando temos que escrever em inglês (ou outra língua estrangeira), então, a responsabilidade triplica! Então, fique ligado nas dicas e acerte nos próximos e-mails!

dear_professor
1) Saudação

Nunca inicie seu e-mail com “Hey”, “Hello”, “Hi” ou qualquer outro tipo de coloquialismo. É aconselhável usar “Dear Professor Sobrenome” ou “Dear Dr. Sobrenome”. Caso o professor não possua o título de doutor, você pode usar “Dear Mr. SOBRENOME”, para um professor, ou “Dear Ms. Sobrenome”, para uma professora. De acordo com este site, é possível usar “Mrs.” para professoras casadas, mas somente aquelas que fazem questão de deixar claro seu status de relacionamento. De qualquer forma, é mais seguro usar “Ms.” tanto para mulheres casadas quando para mulheres solteiras.

Exemplos:

Dear Professor Johnson: Prezado Professor Johnson (para professores doutores)
Dear Dr. Johnson: Prezado Dr. Johnson (também para professores doutores)
Dear Mr. Johnson: Prezado Sr. Johnson (para professores que não possuem título de doutorado)
Dear Ms. Johnson: Prezada Sra. Johnson  (para professoras que não possuem título de doutorado)

ATENÇÃO: No primeiro e-mail, é importante que você siga o padrão de “Dear + Título + Sobrenome”. Depois que você estiver familiarizado com o professor (já teve aula, conversou pessoalmente, etc), é possível chamá-lo pelo primeiro nome tanto por e-mail (Dear John) quanto pessoalmente (John). 

2) Objetivo do e-mail. 

Neste ponto, é importante ser educado e breve, pois os professores gostam de objetividade (quem nunca escreveu um e-mail de 15 linhas e recebeu um “OK” como resposta?).

Exemplo:

This is José Silva from your Literature class. I am really sorry for missing your last class, but I had an emergency. I’m hoping that you might be able to send me the material I missed (…)

[Sou o José Silva da turma de Literatura. Sinto muito por não estar presente em sua última aula, mas eu tive uma emergência. O senhor poderia por gentileza me enviar o material que perdi (…)]

3) Conclusão

Siga o mesmo padrão dos e-mails formais. Caso tenha feito um pedido, é gentil colocar Thank you in advance (Desde já agradeço). E não esqueça de incluir seu nome e sobrenome, mesmo que você tenha certeza de que o professor lhe conhece. Se necessário, inclua o número da sua turma. Você pode finalizar com “sincerely”, “best regards” ou apenas “best,”.

Exemplo:

Sincerely,
José Silva
LIT0622
Outras dicas:
– Seja claro e objetivo no “Assunto” do e-mail e nunca envie um e-mail sem incluir algo neste item.

– Leia e releia seu e-mail quantas vezes for necessário. É importante corrigir ortografia e concordância (se seu e-mail não tiver um corretor automático, copie e cole o texto num documento de Word). Além disso, aproveite para excluir linhas desnecessárias. Lembre-se: seja educado, mas seja objetivo!

– Não “cobre” uma resposta de seu orientador. A questão do tempo é bem delicada, pois muitas vezes nós, estudantes, ficamos ansiosos por uma resposta. Mas é importante dar um tempo razoável para que seu professor / orientador leia o e-mail e tenha tempo para respondê-lo. E não utilize expressões como ASAP (as soon as possible)!

– Quando receber uma resposta, agradeça. Um “thank you” pode ser suficiente.

– Não comece uma conversa com Did you get my e-mail? {Você recebeu meu e-mail?). Isso também pode parecer uma cobrança. Então, prefira: I sent you an e-mail last week about… (Enviei um e-mail na semana passada sobre…).
– Não economize no uso de “please” e “thank you”.

Espero que tenham gostado das dicas! Muitas delas eu aprendi ao longo da minha vida acadêmica (acertando e errando) e outras eu incluí com base neste site. É claro que o grau de formalidade do e-mail vai depender do seu grau de intimidade com o professor ou orientador. Mas é sempre melhor ser formal demais do que informal demais.

Fique ligado porque muitas outras dicas de escrita ainda serão postadas neste mês aqui no English in Brazil. See you!

Veja também...

se aprofunde ainda mais no inglês!

Entre agora na lista de espera para a próxima turma do meu curso online!